Bolsas

Home

Programas interinstitucionais

Requisitos:

  • A proposta deverá envolver uma parceria entre IES de cada país no âmbito de departamentos, institutos ou faculdades.
  • A proposta de cooperação deverá ser apresentada simultaneamente pelos respectivos coordenadores à CAPES e ao DAAD, com um plano de ações conjuntas.

Modalidades de apoio:

  • Financiamento de dois anos, acrescidos de mais dois após avaliação
  • Estadias de grupos de estudantes na instituição parceira de um a dois semestres
  • Estadias de docentes na instituição parceira de 10 a 30 dias

1. Parcerias universitárias entre Brasil e Alemanha - UNIBRAL

Inscrições encerradas.

UNIBRAL é um programa financiado em conjunto por DAAD e CAPES para contribuir para a internacionalização das universidades. Promove projetos de parceria entre instituições alemãs e brasileiras de ensino superior a fim de incentivar o intercâmbio e a cooperação no ensino de graduação. Visa estimular a mobilidade de estudantes de graduação, a aproximação de estruturas curriculares e o reconhecimento mútuo de créditos. Objetiva também o desenvolvimento de estudos integrados de graduação e o aprendizado da língua do país parceiro com aproximação entre as respectivas culturas.

UNIBRAL II destina-se a projetos que contemplam uma dupla-titulação para os graduandos das instituições parceiras. Nesta modalidade, é imprescindível a apresentação de um acordo entre as IS dos dois países que regulamente esta modalidade de titulação.

Roteiros DAAD:

UNIBRAL - https://goo.gl/jZufES

UNIBRAL II - https://goo.gl/Ly5MF7

Roteiro CAPES: http://capes.gov.br/cooperacao-internacional/alemanha/unibral

Contato:

Ursula Dannemann
E-mail: ursula@daad.org.br
Tel. (55) (21) 2553 3296 / Ramal: 14


Requisitos:

  • Vinculação a um programa de pós-graduação stricto sensu com doutorado
  • Apresentação simultânea do projeto à CAPES e ao DAAD com um plano detalhado de ações conjuntas pelos respectivos coordenadores brasileiro e alemão

Modalidades de Apoio:

  • Estágios para pesquisadores alemães e brasileiros na instituição parceira, cobrindo ajuda de custo para a passagem aérea, estadia e seguro-saúde
  • Bolsas de pós-doutorado, doutorado-sanduíche e de curta duração, conforme critérios das duas agências
  • O DAAD assume os custos do lado alemão e a CAPES os custos do lado brasileiro
  • Projetos têm duração inicial de 2 anos, prorrogáveis a 3 ou 4 anos

2. Programas de projetos conjuntos de pesquisadores brasileiros e alemães - PROBRAL

O PROBRAL é um programa financiado pelo DAAD e a CAPES para o apoio a projetos de pesquisa conjuntos de instituições alemãs e brasileiras. Visa à produção científica, ao aperfeiçoamento de doutorandos, à troca de informações e à aplicação dos resultados da pesquisa, privilegiando o efeito multiplicador.

PROBRAL II: Visa à realização de pesquisa conjunta e à dupla-titulação de doutorandos

Inscrições encerradas.

Roteiros DAAD:

PROBRAL - https://goo.gl/T8Y25l

PROBRAL II  - https://goo.gl/qaQHVj

Roteiro CAPES: http://capes.gov.br/cooperacao-internacional/alemanha/probral

O Programa PROBRAL completou 20 anos de atuação em 2014. Para comemorar, o DAAD produziu uma revista contando sobre alguns projetos desenvolvidos nesse período. Para acessar a revista, basta clicar aqui

O programa também passou por uma avaliação. O resultado pode ser visto aqui.

Contato:

Ursula Dannemann
E-mail: ursula@daad.org.br
Tel. (55) (21) 2553 3296 / Ramal: 14


Requisitos:

  • Doutorado e publicações em nível internacional
  • Convite do pesquisador anfitrião
  • Plano de trabalho

Benefícios:

  • Passagem aérea (paga por agência brasileira)
  • Ajuda de custo mensal no valor de 1990 euros

3. Intercâmbio de Cientistas

AVISO: inscrições pela CAPES não estão abertas.

Roteiro de benefícios, requisitos etc.: roteiro

Inscrição pelo DAAD: via Portal DAAD (https://portal.daad.de) 

Prazos para submissão de pedidos:
até 1º de abril de 2016 para missões entre 1º de setembro de 2016 e 31 de setembro de 2017

Do que trata: Auxílio para cientistas brasileiros interessados em realizar uma estadia de pesquisa em universidades ou institutos de pesquisa alemães durante o período de um a três meses. Uma agência brasileira deve aprovar o pedido e custear a passagem aérea. Em contrapartida, o DAAD financia a viagem de pesquisadores alemães convidados para uma pesquisa em universidades ou institutos de pesquisa no Brasil, cabendo à agência brasileira custear os gastos da estadia. Parceiros brasileiros: CAPES, FAPESP, FAPERJ, FAPEMIG, FAPERGS.

Contato:

Rita Meyer
E-mail: cientistas@daad.org.br
Tel. (21) 2553 3296 / Ramal: 15


4. Novas Parcerias (NoPa)

Inscrições encerradas

O programa NoPa foi lançado em 2010 como resultado da cooperação entre o Ministério Federal de Cooperação Econômica e Desenvolvimento (BMZ) no lado alemão e o Ministério de Relações Exteriores (MRE) no lado brasileiro.

O NoPa promove a interligação entre pesquisas nas instituições alemãs e brasileiras e os futuros usuários de setores social, político e econômico. O foco das parcerias é a criação de soluções inovadoras para o desenvolvimento sustentável em duas grandes áreas: Energia e Conservação dos Recursos Naturais.

As atividades necessárias para a realização de projetos, como por exemplo compra de material e equipamento, viagens e estadias do pessoal do projeto (professores, estudantes de pós-graduação, doutorandos etc.) no país parceiro são financiadas pelas duas agências de fomento: a brasileira CAPES e a alemã DAAD.

Responsável pela mediação entre as universidades ou institutos e os usuários interessados na implementação de resultado da pesquisa é o GIZ, o terceiro parceiro institucional do programa.

A primeira “edição” do programa, o NoPa I, encerrou suas atividades em 2014 com 5 projetos na área de Energia e 3 na área de Florestas Tropicais. Seu programa derivativo, i-NoPa (Novas Parcerias Integradas), contemplou 4 projetos na área de Biogás e 3 na área de Energia Heliotérmica.

O NoPA II retoma as áreas do NoPa I com novas prioridades. Desde o início de 2016, dois projetos na área de Florestas Tropicais e três na área de Energia desenvolvem trabalhos no provavelmente último edital do programa NoPa no Brasil.

Links:

Filme sobre NoPa

Mais informações: http://nopa-brasil.net/pt/uebernopa.html

Contato:

Julia Wisniewska

E-Mail: julia@daad.org.br

Tel.: (21) 2553-3296


Critérios de seleção:

  • Relevância da temática do ponto de vista de política de desenvolvimento
  • Potencial inovador para o fortalecimento institucional e para a melhoria de estruturas de ensino e pesquisa
  • Inclusão de estudantes de graduação e pós-graduação e de pesquisadores
  • Equilíbrio na proposta de missões dos dois lados.

Benefícios:

  • Financiamento de até quatro anos ou 15338  euros por ano para cobrir despesas de estadia e viagens
  • Estadias de até três meses para estudantes e de um mês para pesquisadores e docentes na universidade parceira

5. Parcerias universitárias com países em desenvolvimento

Este programa apoia projetos de cooperação entre universidades alemãs e universidades de países em desenvolvimento. Com recursos do Ministério Federal de Cooperação Econômica e Desenvolvimento (BMZ).

O objetivo é impulsionar a cooperação científica entre faculdades e institutos de universidades alemãs e estrangeiras, visando ao desenvolvimento de recursos humanos para gestão, pesquisa e ensino e aproximação de culturas.

Pedidos são encaminhados unilateralmente por um professor alemão ao DAAD em Bonn.

Inscrições na Alemanha:

DAAD Bonn, Referat 432
Frau Sylvia Schrei
E-mail: schrei@daad.de

Contato no Brasil:

Ursula Dannemann
E-mail: ursula@daad.org.br
Tel. (21) 2553 3296 / Ramal: 14