Parceiros na implementação da agenda climática do Acordo de Paris, Alemanha e França criaram o Franco-German Fellowship Programme on Climate, Energy and Earth System Research. O novo programa oferece bolsas de quatro anos para pesquisadores do mundo todo que tenham concluído o doutorado com distinção e conduzido pesquisas de excelência por pelo menos dois anos após a defesa da tese. Os candidatos não podem ter residido na Alemanha nos últimos dois anos.

O DAAD coordena a seleção alemã, cujo primeiro prazo se encerra em 13 de outubro. Nessa primeira etapa, os interessados submetem sua candidatura individualmente. Os selecionados para a segunda etapa deverão elaborar até 15.02.2018 uma proposta completa em conjunto com uma instituição alemã de sua escolha (universidade ou instituto de pesquisa). Os contemplados com a bolsa deverão montar um grupo de pesquisa na área de Clima, Energia ou Sistemas da Terra na instituição alemã e terão oportunidade de se conectar com uma rede internacional e interdisciplinar de pesquisadores. O fomento para os quatro anos de trabalho pode chegar a 1 milhão de euros no caso de pesquisadores júnior e, até 1,5 milhão de euros para pesquisadores sênior.

Veja aqui os detalhes do processo seletivo e aqui a chamada para inscrições.

A novidade é parte da iniciativa francesa batizada de “Make our planet great again". O DAAD financia o programa com recursos do Ministério Federal para Educação e Pesquisa (BMBF) no valor de 15 milhões de euros. A presidente do DAAD, Prof. Margret Wintermantel, comemorou a criação do Franco-German Fellowship Programme on Climate, Energy and Earth System Research: “É uma alegria podermos, com esse programa, dar um importante sinal para a pesquisa internacional nessas áreas e contribuir para que se alcancem os objetivos acordados em Paris para preservar o meio ambiente”.