Pesquisadores de 16 países foram convidados pelo Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD) para acompanhar de perto as eleições para o Parlamento Federal Alemão (Bundestag) de 2017, marcadas para o dia 24 de setembro. Os 18 observadores são personalidades que se destacam por sua expertise nas áreas de Ciências Políticas, e Estudos Alemães e Europeus, e por sua atuação como multiplicadores em seus países de origem. Entre eles, está o brasileiro Marcelo Neves, advogado e professor de Direito Público na Universidade de Brasília. O Prof. Dr. Neves, que já atuou como professor visitante em universidades na Alemanha, Chile e Suíça, produzirá um relato sobre a experiência para o site do DAAD Brasil.

O grupo passará pelas cidades de Bonn, Colônia, Frankfurt, Halle, Leipzig e Berlim entre os dias 15 e 25 de setembro para participar de eventos ligados à disputa eleitoral e para encontrar representantes de partidos e especialistas de diversas áreas. A presidente do DAAD, Profa. Margret Wintermantel, explica o objetivo da viagem:

“Desejamos dar aos participantes a possibilidade de se informar profundamente sobre a atual situação política na Alemanha e levar esse olhar diferenciados sobre as eleições do Parlamento Federal Alemão para seus países de origem”.

Os demais observadores são oriundos do Egito, França, Grécia, Índia, Indonésia, Israel, Japão, México, Países Baixos, Polônia, Rússia, Espanha, Turquia, Ucrânia e Estados Unidos. Saiba mais sobre a viagem e o programa preparado para os participantes no site do DAAD em alemão.