COMUNICADO | O DAAD informa que infelizmente um corte orçamentário imprevisto levou à repentina necessidade de replanejar a concessão de bolsas em seus programas de estadias de pesquisa, financiados por verbas públicas federais. Assim, em 2022, não será possível conceder financiamento para os seguintes programas: 1 – Estadias de pesquisa para professores e cientistas; 2 – Estadias de pesquisa para professores de artes e arquitetura; 3 – Estadias de pesquisa para ex-bolsistas do DAAD; e 4 – Docências de curta duração.

Por esse motivo, a central do DAAD se viu obrigada a suspender a partir de 30/03/2022 as inscrições para esses programas, ainda sem previsão de reabertura de editais. As candidaturas anteriormente enviadas não poderão ser consideradas. A equipe do escritório regional do DAAD no Rio de Janeiro entende que essa mudança atinge vários interessados e candidatos dos programas, e espera em breve poder retomar a oferta de bolsas no âmbito das estadias de pesquisa.


Normalmente o DAAD abre duas vezes por ano as inscrições ao seu programa de estadias de pesquisa na Alemanha para professores e cientistas, financiado por verbas federais. São oferecidas bolsas a interessados em passar de um a três meses desenvolvendo um projeto em uma universidade ou instituto de pesquisa alemão. Para se candidatar é preciso ter concluído o doutorado e possuir vínculo com uma instituição de ensino superior ou instituto de pesquisa no Brasil.

O principal objetivo do programa é o estreitamento dos vínculos entre pesquisadores brasileiros e alemães. Os principais critérios de seleção são: 1 – a trajetória acadêmica e publicações recentes, que devem estar documentadas em currículo e em uma lista de publicações, 2 – projeto de pesquisa convincente e bem planejado.

Os selecionados ganham uma bolsa mensal de cerca de 2.000 euros e auxílio para passagem aérea. Confira todos os detalhes do edital e do processo seletivo aqui.