Parte importante do trabalho do DAAD é o fomento à língua alemã. Para isso nada melhor do que estimular a leitura da literatura do país. Junto com as bibliotecas dos Goethe-Institut de São Paulo, Curitiba e Porto Alegre, lançamos o projeto “Telas Literárias”, um clube de leitura virtual com encontros mensais para discutir uma obra da literatura alemã contemporânea. O objetivo é dar mais visibilidade aos autores alemães publicados no Brasil e aproximar o público da literatura alemã contemporânea publicada em língua portuguesa.

Os encontros ocorrem na plataforma Zoom e têm a seguinte dinâmica: um(a) convidado(a) apresenta uma obra ou autor(a) e conduz o debate, sempre em português. As vagas são limitadas e, portanto, a inscrição é necessária. Para participar, basta enviar um e-mail para daad_sao_paulo@daad.org.br. As informações sobre obra e autores de cada encontro são divulgadas com antecedência pelos canais de comunicação do Goethe-Institut e do DAAD Brasil (Instagram e Facebook) para quem desejar se preparar para a conversa. No entanto, para participar não é necessário ter lido o livro ou ter conhecimentos sobre literatura alemã. Aproveite para assinar nossa Newsletter e ficar por dentro dos próximos encontros.

Próximo encontro:

  • 21/07, às 15h
    Livro do mês: Überseezungen, de Yoko Tawada
    Mediadora: Marianna Ilgenfritz Daudt

Uma conversa com a tradutora Marianna Ilgenfritz Daudt sobre o livro  “Überseezungen” (Editora Record) da autora Yoko Tawada.

Um livro ousado, repleto de graça e inspiração. Lê-se no título de “Überseezungen” – entre outros significados – as “traduções” que levam a protagonista a viajar ao sul da África, aos Estados Unidos, ao Canadá e de volta ao Japão e à Alemanha (Tawada, nascida e criada no Japão, mora desde 1979 na Alemanha). O leitor aprende muito sobre países, sobre povos e sobre os traços das palavras quando a escritora, em sua perspicácia benjaminiana, expressa a perplexidade e o maravilhamento proporcionados pelas diferentes formas e barreiras linguísticas, as quais investiga espirituosamente em frases simples, ao mesmo tempo vivazes e despreocupadas, que respiram os ares da poesia e da filosofia.

Tradução livre de artigo da Revista Text + Kritik para a primeira edição de Überseezungen na Alemanha (2002).

Marianna Ilgenfritz Daudt é tradutora de alemão e doutoranda do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) em Estudos de Literatura. Bolsista CAPES. Mestre em Literatura Comparada pelo PPG-Letras UFRGS. Possui graduação no Curso de Bacharelado em Letras Português-Alemão da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS.

Yoko Tawada nasceu em Tóquio em 1960. Em 1979 fez sua primeira viagem à Alemanha pela ferrovia Transiberiana. De 1982 até 2006 morou em Hamburgo; desde então, vive em Berlim. Seus trabalhos recebem grande atenção e reconhecimento nos círculos literários e acadêmicos de todo o mundo devido ao grande valor literário que possuem bem como de suas características multilíngues e interculturais. Dentre inúmeros prêmios de literatura recebidos pela autora, destacam-se o Prêmio Kleist, recebido na Alemanha em 2016 e o Prêmio Fundação Japão, recebido no Japão em 2018.

Próximas edições do Telas Literárias:

  • 18/08, às 19h30
    Livro do mês: Fama, de Daniel Kehlmann
    Mediadora: Sabine Reiter