Pesquisadora alemã convidada pelo DAAD dá entrevista ao Zero Hora

Durante sua visita a Porto Alegre para participar do seminário “A universalidade dos direitos humanos como ponte entre continentes: Desafios e perspectivas” em comemoração ao jubileu do DAAD Brasil, a Profa. Dra. Angelika Nußberger concedeu uma entrevista ao colunista Rodrigo Lopes, do jornal Zero Hora. A diretora da Academia para a Proteção dos Direitos Humanos Europeus da Universidade de Colônia veio ao Brasil especialmente para o seminário. Confira abaixo a reprodução da entrevista com a pesquisadora alemã, que também está disponível no site do Zero Hora (para assinantes).

A Profa. Dra. Angelika Nußberger durante sua palestra no seminário do jubileu do DAAD Brasil na PUCRS© Darwin Gonçalves Nascimento / PUCRS

‘A polarização está ligada à intolerância’, diz diretora de instituição de proteção aos direitos humanos na Alemanha

Professora Angelika Nussberger afirma que cenário atual favorece violações

ANGELIKA NUSSBERGER
Jurista e pesquisadora alemã

Para a professora Angelika Nussberger, diretora da Academia para Proteção dos Direitos Humanos Europeus da Universidade de Colônia, na Alemanha, ambientes políticos de polarização, como os vividos no Brasil, nos Estados Unidos e em alguns países europeus, favorecem violações de direitos humanos. A pesquisadora destaca que esses cenários normalmente são acompanhados pela falta de tolerância.

De 2011 a 2019, Angelika foi juíza da Corte Europeia de Direitos Humanos. Na semana passada, ela esteve em Porto Alegre para participar do seminário “A universalidade dos direitos humanos como ponte entre continentes: Desafios e perspectivas”, realizado em comemoração aos 50 anos de atividades do Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD) no Brasil. Ela proferiu a palestra “Os direitos humanos como sinal de progresso e razão: uma ilusão?”

Ela concedeu entrevista à coluna. Veja os principais trechos:

Como a senhora avalia a ascensão de governos de extrema direita na Europa e o impacto desse fenômeno na questão dos direitos humanos?
A ascensão de governos de extrema direita na Europa não é um fenômeno novo. Já temos governos assim há mais de uma década na Hungria e há quase uma década na Polônia, agora também na Itália. Em outros países também observamos fortes tendências populistas. Novos líderes tentam simplificar desenvolvimentos complexos e ganhar apoio com promessas irreais e imagens em preto e branco da sociedade. Na minha opinião, isso é um perigo real para a proteção efetiva dos direitos humanos.

Na Guerra da Ucrânia, observamos como a Europa se abriu para refugiados, uma postura diferente da adotada diante de conflitos recentes no Oriente Médio e na Ásia. Por quê?
A guerra de agressão da Rússia contra a Ucrânia chocou a todos na Europa. Por muito tempo, os europeus se agarraram à ilusão de que a Europa havia aprendido sua lição após as terríveis experiências da Segunda Guerra Mundial e que a guerra não poderia voltar. O confronto com a nova realidade provoca um intenso sentimento de insegurança e perda. É bem entendido que a Rússia não está travando uma guerra apenas contra a Ucrânia, mas contra toda a civilização do Ocidente. Portanto, todos querem apoiar a Ucrânia e os ucranianos. Além disso, as imagens da guerra e das jovens mulheres fugindo com seus filhos pequenos exercem uma influência muito forte na sociedade civil. Por último, mas não menos importante, a Ucrânia é um país vizinho: as pessoas não estão sofrendo em algum lugar “longe”, mas bem na nossa porta.

Como melhorar a agenda de direitos humanos?
Não há uma agenda de direitos humanos, mas muitas agendas. Em alguns países europeus, mesmo os direitos mais básicos das sociedades democráticas _ como liberdade de expressão, liberdade de reunião, liberdade de associação _ não estão mais garantidos. Isso é especialmente verdadeiro em países com regimes autoritários. É importante continuar lutando contra essas tendências, mesmo que não seja fácil se ter sucesso. Ao mesmo tempo, outras sociedades poderiam melhorar a proteção de grupos vulneráveis. Resta muito a ser feito também.

Muitas vezes, a questão dos direitos humanos serve como justificativa para a imposição de uma forma de governo Ocidental. Como garantir respeito aos direitos humanos sem impôr a modo de vida do Ocidente?
A proteção dos direitos humanos pressupõe a existência de formas democráticas de governo. Caso contrário, eles não funcionarão. Mas uma vez que a democracia pode ser vista como parte da herança antiga da Grécia e, portanto, da Europa, essa é uma forma de governo geralmente aceita e não apenas “ocidental”. A segunda parte da sua pergunta refere-se, porém, não a uma “forma ocidental de governo”, mas a um “modo de vida ocidental”. Esse é um termo muito amplo que pode ser interpretado de várias maneiras. Para uma proteção efetiva dos direitos humanos, o pluralismo e a tolerância são essenciais. Isso é muitas vezes entendido como característico “do Ocidente”, mas não necessariamente. As sociedades não ocidentais também podem ter fortes tradições de pluralismo e tolerância. Os direitos humanos são universais e não estão vinculados a um estilo de vida específico.

Muitos países enfrentam ambientes de polarização política. Como esse fenômeno favorece violações de direitos humanos?
A polarização das sociedades é um fenômeno muito negativo. Muitas vezes está ligada à falta de tolerância. A vida em sociedade não é entendida como “viver junto”, mas como uma luta contra os outros. Tal atitude é incompatível com a proteção dos direitos humanos.

Como a senhora prevê o futuro das relações entre Brasil e Alemanha a partir da eleição de Luiz Inácio Lula da Silva?
Parece-me que se abriu uma janela de oportunidade para aprofundar as relações entre Brasil e Alemanha e retomar a cooperação em muitos campos onde ela foi menos intensa ou interrompida.

Anúncios de universidades alemãs

TU Berlin’s new podcast: Should I stay or should I go?

In the podcast “Should I stay or should I go?”, three alums of TU Berlin speak about their reasons for staying in Germany or returning home after graduation.

Mais

Apply now for the Master’s program in European and International Law a...

Excellence in European and International Law. Students from more than 30 nations. Internationally renowned lecturers. Meet the world at the Europa-Institut! Apply now!

Mais

Livable and lovable – the University of Siegen!

Get to know our English language Master’s programs during our webinar series in March 2023.

Mais

Truly international – Study at ESB Business School!

Do you want to study in the heart of Germany, Europe’s strongest and most dynamic economy? Come to ESB Business School at Reutlingen University!

Mais

The Esslingen MBA: Your Key to Success

Join our international master’s programmes for STEM graduates. Hands-on learning, innovative case studies and company visits make our programmes competitive and career-building.

Mais

Enhance your career opportunities with an MBA from Pforzheim Universit...

Advance your career with an MBA from Pforzheim University! We equip you with distinct advantages for the business of tomorrow at one of the best Business Schools in Germany.

Mais

Hands-on Master’s programs at Hof University Graduate School

You hold a Bachelor and already gained some work experience? Kick-start your career with our exciting hands-on M.B.A. and M.Eng. programs. All programs comprise an internship – a great opportunity to ...

Mais

Study in English - Live in German(y)!

Upgrade your career with an English-taught MSc or MBA degree from Offenburg University! Your gateway to a qualified job in Germany and around the world!

Mais

MBA & Engineering in Life Science Management Programme

Internationally accredited MBA&E providing life science expertise required in leaders of the future combining comprehensive, industry-specific knowledge and management skills.

Mais

Technology Management - our English-language university MBA program

NIT Northern Institute of Technology Management, the Business School at the TUHH Hamburg University of Technology. Your chance to make two masters in one year.

Mais

Study in Berlin - MBA & International Master’s Programmes

Our internationally recognized MBA & Master’s programmes will provide you with the knowledge and tools to conduct business in the global market.

Mais

Master in Professional IT Business and Digitalization

Ready for the next step in your IT-career? Welcome to the international master’s program Professional IT Business & Digitalization at HTW in Berlin. The program provides in-depth knowledge in the fiel...

Mais

Innovative, communicative, unique: Master of Manufacturing Technology ...

Apply for the two-year, fully English-taught Master´s program in manufacturing technology (MMT) from Feb. 1st – Mar. 15th at TU Dortmund University, Germany. The program is free of tuition fees.

Mais

Engineer Your Future for Success!

Fully English-Taught B.Sc. in Mechanical Engineering (International) in Germany’s Engineering Hub Karlsruhe.

Mais

Boost your career with the International Master‘s in Project Managemen...

Boost your career. Acquire a German Master’s degree in Data Science & Project Management. Join us at HTW Berlin – On Campus or Online!

Mais

Estuda na Alemanha em inglês!

Quer estudar uma Engenharia em inglês e aprender alemão? Estuda na Alemanha em inglês na THWS!

Mais
1/16

Contato