Fahnen mit dem DAAD-Logo vor der Außenfassade der Zentrale in Bonn.

A tradição do DAAD é unir pessoas à ciência. Fundado em 1925 pela iniciativa de um estudante da Universidade de Heidelberg, o DAAD é hoje uma das principais organizações de promoção de intercâmbios acadêmicos e científicos.

Desde a sua fundação, o DAAD apoiou mais de 1,9 milhões de estudantes dentro e fora da Alemanha. Instituído como uma associação, o DAAD é mantido por universidades e organizações de estudantes alemãs. A atuação do DAAD vai muito além da concessão de bolsas de estudos: o DAAD fomenta a internacionalização das universidades alemãs, fortalece a área de Germanística (Letras com licenciatura em alemão) e literatura alemãs no exterior, apoia os países em desenvolvimento na construção de universidades fortes e assessora os responsáveis por áreas como política educativa, política científica exterior e políticas de desenvolvimento.

Bolsas de estudos para os melhores alunos
O DAAD possibilita que os jovens de dentro e de fora da Alemanha obtenham experiência internacional de estudo e pesquisa. A maioria dos bolsistas estrangeiros do DAAD é composta por estudantes de mestrado e doutorado. A oferta de bolsas de pós-graduação é maior por se entender que tais estudantes têm maior vivência e experiência em pesquisa do que aqueles ainda em início da formação acadêmica, tirando assim maior proveito do período de intercâmbio. Bolsas de estudos para estudantes internacionais em nível de graduação são raras.

Ampla rede de contato
Os recursos para as bolsas de estudos provêm, em primeiro lugar, de fundos federais de diferentes ministérios, como o Ministério Alemão de Relações Exteriores, da União Europeia e de organizações e governos estrangeiros. O escritório central do DAAD está localizado em Bonn, mas o DAAD mantém também um escritório em Berlim. Uma ampla rede de escritórios regionais e centros de informação mantêm o contato com os principais países parceiros, além de oferecer assessoria e atendimento local. No Brasil, os principais parceiros são a CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) e o CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico)